Arquivo da categoria: Recomendo por aí

Recomendo por aí: melhores momentos da decisão da Suburbana

OpeNov3_LAB (69)

A Suburbana acabou na última quarta-feira e até o dia de hoje repercutimos sua emocionante decisão em três atos. Como ato final, temos os melhores momentos da decisão, filmados pelo Rafael Buiar do Do Rico ao Pobre e narrados pelo Eduardo Nobre, que tem este canal aqui no Youtube. Aproveitem:

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol Alternativo, Recomendo por aí

Recomendo por aí: teaser da final da Suburbana

OPSC_UNO_LAB (18)

 

A final da Suburbana é nesta quarta-feira (17). Já temos nosso pequeno guia, mas queremos mostrar, enquanto a hora não vem, um material do site Do Rico Ao Pobre. O site fez um vídeo com um teaser da decisão. Aqui o link desta pequena apresentação, que mostra gols em vários campos da competição e foca na finalíssima.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Recomendo por aí

Recomendo por aí: Retrato da Suburbana em 2010

Peterson_LAB

Na época da reportagem, o técnico do time adulto do Operário Pilarzinho, Peterson, era jogador da equipe e treinava o time juvenil

Está quase na hora, Operário Pilarzinho x Nova Orleans fazem o segundo jogo da decisão da Suburbana 2014. Se você está em Curitiba, pode ser tempo hábil de chegar lá, mesmo que apenas para o jogo de fundo às 16h30. Mais cedo, às 13h45, Combate Barreirinha x Novo Mundo decidem os juvenis. Para servir de aperitivo, um leitor nosso desencavou uma reportagem de 2010 sobre o torneio, escrita por Carlos Simon (não o árbitro) para a Revista Ideias, que circula mais no Paraná. O material envolve perfil econômico das equipes naquele momento, personagens, identidade, tipos de atletas. Uma boa pedida para se preparar para o jogo (se der tempo ou espaço) ou ainda entender um pouco o cenário. Confira aqui a reportagem.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol Alternativo, Recomendo por aí

Recomendo por aí: uma numeralha sobre a Terceirona Paranaense

Presidente da Federação Paranaense de Futebol, Hélio Cury, entrega a chuteira de ouro ao artilheiro Barbosa, com nove gols

Presidente da Federação Paranaense de Futebol, Hélio Cury, entrega a chuteira de ouro ao artilheiro Barbosa, com nove gols

 

A primeira cobertura na rua do Futebol Metrópole na primeira semana de vida foi a finalíssima da Terceirona Paranaense, vencida nos pênaltis pelo Andraus. O site Redação em Campo, que tem cinco anos de tradição ligado inicialmente ao futebol paranaense e mais recentemente também ao catarinense publicou, com os trabalhos de Gabriel Sawaf, um balanço com os números da competição que eles cobriram desde o começo, quando o campeão Andraus era apenas uma incógnita e o time atual do Pato Branco havia acabado de sair do ovo. Tem de tudo e ele nos contou uma curiosidade: se não fosse o público da final, o maior do campeonato num total de 1.020 pagantes, o Andraus teria média de três ingressos vendidos por jogo. Não contaremos aqui qual a média final, pois isso foi o que o Redação em Campo fez aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol Alternativo, Recomendo por aí

Recomendo por aí: Atletiba, capas e retorno à vaca

Especial sobre clássicos da Trivela teve capítulo sobre o Atletica (Reprodução/Trivela)

Especial sobre clássicos da Trivela teve capítulo sobre o Atletiba (Reprodução/Trivela)

 

Por nascer e morar em Curitiba, o Atletiba é o clássico brasileiro mais intensamente vivido por mim, inclusive profissionalmente. Para quem não conhece a dinâmica de uma redação, um clássico gera muitos materiais de adianto e especiais. Se for decisão, então, mais ainda, com retrospectos de campanhas de títulos e tal. E de pensar que, pelo resultado da contenda, metade do material nunca vem ao ar. Até rola uma brincadeira de que os jornais poderiam tranquilamente lançar livros sobre matérias que não se concretizaram. Numa semana em que Cruzeiro e Atlético-MG decidiram a Copa do Brasil, a Trivela fez um especial contando de quando arquirrivais chegaram ao auge de maneira simultânea. Um dos capítulos foi sobre a ótima década de 80 da Dupla Atletiba. Confira aqui neste link.

* * *

O site Verminosos por Futebol, lá do Ceará, fez um “Direto do baú” deles. E isso foi com capas do caderno de Esportes do jornal O Povo, quando em seu processo de implantação. Algumas abusam de trocadilhos e brincadeiras com fotos. Confira as 20 manchetes clicando aqui.

* * *

E fechando nosso post, uma importante atualização do caso da vaca que resolveu nascer e o dono do sítio, goleiro de um time amador francês, precisou largar tudo e o time acabou tomando de 20. O Yuri Casari falou com o presidente do clube e revelou o estado de saúde da bovina e do bovininho. 

1 comentário

Arquivado em Recomendo por aí

Blá Blá Blá, luz de vaca e os 18 do Bangu

Capa do Estado de Minas repercutiu até no exterior (Reprodução / Twitter)

Capa do Estado de Minas repercutiu até no exterior (Reprodução / Twitter)

O jornal impresso pode estar em crise, com várias publicações fechando ou enxugando drasticamente seus quadros de jornalistas. Porém, o formato mostra fôlego quando tem criatividade em expor seu conteúdo. Foi o que fez nesta quarta-feira (26) o Estado de Minas ao colocar todas as chamadas com um “Blá Blá Blá” e dar assim destaque para a final desta quarta da Copa do Brasil entre Cruzeiro e Atlético-MG. A ousadia rendeu repercussão na imprensa do exterior, como foi o caso do Bleacher Report UK, em sua conta do twitter (imagem acima). Boa sorte para eles na cobertura da decisão, pois uma final de Copa do Brasil na própria cidade é algo muito legal e o trabalho árduo costuma compensar.

* * *

Imagina você, dono de um sítio e goleiro de um time amador. Uma vaca resolve entrar em trabalho de parto bem durante o jogo e você tem de ir lá. O Yuri Casari contou essa no Escrevendo o Futebol. Realmente o time foi com os bois para a corda.

* * *

Agora, uma que é da semana passada, mas é um resgate de um momento histórico do Futebol Alternativo. O Bangu, nos anos 90, meteu 18 a 0 num Combinado de Turistas Ingleses Com a Camisa do Manchester United. Como assim? O Andrey Raychtock (tive de abrir umas quinze vezes para escrever direito) contou isso no Esporte Interativo. Boa leitura!

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol Alternativo, Recomendo por aí

Futebol Metrópole no ar

Vila Capanema em agosto de 2012 (Foto: Leonardo Bonassoli)

Vila Capanema em agosto de 2012 (Foto: Leonardo Bonassoli)

 

Quarta-feira, 26 de novembro de 2014. O Futebol Metrópole está no ar. Este primeiro post é uma breve declaração de princípios e uma breve apresentação do que virá.

É meu primeiro blog esportivo solo, depois de empreitadas coletivas no Futebol e Fritas, no De Primeira e no Lado B do Futebol, além de colunas no site Papo de Bola e na Trivela. Mas diferente dos desafios anteriores, em que era, primeiro um estudante lá no começo, no fim de 2002, e um jovem profissional, a responsabilidade é maior. Trabalhei neste meio tempo, entre 2010 e 2014 na Gazeta do Povo, principal jornal do Paraná, e adquiri algumas experiências importantes que serão bastante úteis para mim e para os leitores.

Sendo assim, o peso dos 31 anos ensina que não é o blog para conquistar o Mundo, até porque o Mundo e a blogosfera mudaram. O objetivo é ser um espaço esportivo com um tanto de minha marca pessoal e que fale para quem gosta de ler blogs esportivos na internet. Faço isto de maneira bastante simples, sem muitos recursos, como se estivesse recomeçando, mas realmente é um recomeço.

O nome Futebol Metrópole saiu de um brainstorm em um dos fóruns do Conglomerado FA. Com ele, veio um conceito de que a internet é uma grande cidade, a maior cidade do Mundo. E um pouco do esporte desta metrópole aparecerá por aqui. O futebol acabará sendo, como o nome indica, o carro chefe daqui, mas nada impede posts de outras modalidades.

Para facilitar as coisas, os posts foram divididos em oito categorias, podendo estar em mais de uma ao mesmo tempo. Por ser um ambiente virtual, longe do papel, a divisão em “editorias” não é tão rígida e vários conteúdos podem e devem borrar as fronteiras. Este post, por exemplo, está em todas as oito seções, sendo uma espécie de marcador de início do blog como um todo.

A explicação do que cada uma é também está ali na página ENTENDA AS SEÇÕES, até como um facilitador para leitores que possam surgir quando o blog estiver a todo vapor. Estas são as oito seções previstas:

Direto do baú – Textos antigos ou sobre história do esporte.

Futebol Alternativo – O lado B do futebol. Times, competições ou personagens de fora do mainstream da bola.

Metrópole adentro – Tudo que é feito na rua ou no estádio ou ainda reportagens e entrevistas.

Metrópole Poliesportiva – O futebol é o foco principal do blog, mas nada impede que se fale de outros esportes. Para isso, esta seção.

Numeralhas – Posts baseados em números.

Opinião – Pode parecer redundante explicar, mas é tudo que tiver viés opinativo.

Quiz do Bona – Espaço para testar seus conhecimentos sobre esporte.

Recomendo por aí – Alguma coisa legal foi vista em outro lugar da internet? A gente recomenda.

 

Sendo assim, apresentados, que todos sejam bem-vindos!

 

3 Comentários

Arquivado em Direto do baú, Futebol Alternativo, Metrópole adentro, Metrópole Poliesportiva, Numeralhas, Opinião, Quiz do Bona, Recomendo por aí