Guia do Paranaense 2016 – O Paraná pelo telefone – Parte VII: 046

O DDD 46 abrange o Sul do Paraná a partir de General Carneiro até a fronteira com a Argentina nas cidades ao sul do Parque Nacional do Iguaçu. Temos de fazer uma pequena correção, pois temos o caso de uma cidade paranaense com DDD 49 que desconhecíamos e que faz parte do Sudoeste Paranaense: Barracão, pois é conurbada com a catarinense Dionísio Cerqueira (e com a argentina Bernardo de Yrigoyen). No futebol, temos um problema: a região, a única sem título paranaense na elite, está sem time nas duas primeiras divisões. O que aconteceu?

O último ano

Ano passado, a região teve os dois arquirrivais Pato Branco, que vinha de um vice na Terceirona, e Francisco Beltrão inscritos na Segundona. Logo antes da competição, Pato e Marreco fizeram um Clássico das Penas amistoso que acabou em briga. Esta é uma das maiores rivalidades do Sul do Brasil, embora não tão conhecida do grande público.

Na hora da competição, problemas. O Francisco Beltrão foi fazendo uma campanha fraca e acabou por sofrer um WO que gerou desistência e eliminação. O Pato Branco também fez campanha fraca e acabou rebaixado. Recentemente, a equipe anunciou licença do futebol profissional.

O foco das cidades da região, que não tem nenhuma cidade com mais de 100 mil habitantes é o futsal, com Pato Branco e Francisco Beltrão sendo presenças constantes na elite e até Palmas aparecendo anos atrás na disputa. Os altos custos provavelmente devem ter inviabilizado o futebol profissional em uma região que depende muito do agronegócio, da pecuária e da suinocultura.

A última vez na elite de cada um

Esta é a décima edição seguida do Campeonato Paranaense sem time do DDD 46 na elite. A última foi 2006, que teve o Francisco Beltrão entre os rebaixados. A única chance de ter alguém é em 2018, apenas se um time da região partir da Terceirona (no segundo semestre) e conquistar dois acessos consecutivos. Note que apenas cinco clubes de três cidades representaram a região na Primeira Divisão Estadual. Confira qual foi a última vez de cada equipe da região que já esteve na elite paranaense:

2006 – Francisco Beltrão

1996 – Coronel Vivida

1992 – Pato Branco

1980 – União de Francisco Beltrão

1979 – Palmeiras de Pato Branco (da fusão com o Internacional em 1980 nasceu o Pato Branco atual)

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Metrópole adentro

Uma resposta para “Guia do Paranaense 2016 – O Paraná pelo telefone – Parte VII: 046

  1. Pingback: Confira nosso Guia do Paranaense 2016 | Futebol Metrópole

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s